Conecte-se conosco

“Blocão” de partidos e mudança de planos do Governo podem influenciar destino de Corumbá

man-fountain

Eleições

“Blocão” de partidos e mudança de planos do Governo podem influenciar destino de Corumbá

União inédita do PMDB, PTB e PDT para construir um grupo político com abrangência estadual poderia mudar todos os rumos políticos na região pantaneira.

Campo Grande - Na capital está sendo construída uma aliança política entre grandes partidos políticos, que começou com o PTB e PDT - e recentemente o PMDB entrou para o grupo, visualizando a oportunidade política de construir bases não apenas para as eleições 2016, mas visualizando o controle do Estado em 2018.

Sendo assim, de acordo com fontes internas - a Redação do MS Diário recebeu a informação que André Pucinelli (PMDB) reatou relações com Nelsinho Trad (PTB), o que de certa forma muda o cenário político na Capital e em algumas cidades do Estado.

Corumbá
o Deputado Federal Dagoberto (PDT) viabilizou a ida de Paulo Duarte (ex-PT) para seu partido. Por outro lado, Paulo Duarte está negociando o apoio do PTB para sua reeleição em Corumbá. Acontece que em Corumbá, o PTB é comandado pelo vereador Marcelo Iunes (PTB) - que já grita aos quatro cantos da cidade que é pré-candidato a Prefeitura de Corumbá. Pela análise política do MS Diário, Paulo Duarte estaria pressionando para que Marcelo Iunes se tornasse seu Vice em sua chapa - impedindo assim, uma aliança sua com o ex-prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PMB).

Ruiter, por sua vez parece inseguro com seu destino político dentro do PSDB. Hoje, ele está filiado no PMB - mas até pouco tempo atrás o PSDB queria que ele engrossasse fileiras no partido - coisa que só não aconteceu ainda, porque ele não gostaria de perder a suplência de Deputado Estadual; pois a janela de mudança para suplentes ainda não tinha sido aprovada.

Sabe-se que existe um acordo feito entre o Governador, Marcelo Iunes e Ruiter Cunha de Oliveira: os dois são seus pré-candidatos à Prefeito em Corumbá - onde aquele que obtivesse o melhor desempenho nas pesquisas seria o candidato à Prefeito, e o outro, seria o Vice.

Porém mesmo que as conversas estejam sendo solidificadas a cada dia, ainda não há nenhuma certeza na definição dos nomes.

Ainda que o Chefe da Casa Civil Sérgio de Paula  - e principal articulador político do Governo - tenha dito em entrevista recente aqui em Campo Grande (e pela primeira vez, publicamente) que o candidato do PSDB em Corumbá é Ruiter Cunha, ele ainda não foi filiado e não há nenhuma confirmação oficial do Governador neste sentido.

Para se ter uma idéia das incertezas do partido, em sua entrevista Sérgio de Paula não cita a atual Vice-Governadora Rose Modesto - que vinha demonstrando forte interesse em ser Prefeita de Campo Grande - o que deixa a entender que o caminho está aberto para outros partidos aliados.

Como parte agora do Blocão, Paulo Duarte em tese faria parte do grupo - e todas as promessas e acordos realizados anteriormente para Ruiter e Marcelo poderiam ser modificados em seu teor e substância - como o MS Diário analisou recentemente em uma matéria do dia 22 de Janeiro deste ano.

Se Paulo Duarte conquistar o PTB como seu aliado para a campanha, Marcelo Iunes terá que mudar de partido novamente, se não quiser ser o Vice-Prefeito dele - ou então regredir nos seus planos e continuar sendo Vereador dentro da legenda, direcionando sua campanha para este fim.

PSDB em Corumbá e Ladário

O PSDB, partido do Governador Reinaldo Azambuja era, tradicionalmente um partido sem muita expressividade na região, dominada pelo PT e pelo PMDB. Os últimos políticos que o PSDB teve na região foi Mohamad Abdalah (2004) e o ex-prefeito de Ladário (já falecido) José Francisco Mendes Sampaio, em 2000.

Agora, vários figurões da velha política local estão ingressando na legenda - todos querendo a bênção financeira do Governador; e a julgar pela quantidade da “carga” entrando no barco, as chances do barco naufragar também são grandes.

O último pacote que tivemos notícia que ingressaria no barco é a do vereador petista Machado (PT) que anda namorando com o partido - aproveitando a situação de naufrágio total do PT no País e especialmente em Corumbá, tradicional reduto petista desde que o PT comandou o estado, na gestão de Governo Zeca - aproveitando a debandada geral dos seus ex-companheiros: o prefeito Paulo Duarte, e os vereadores Cristina Lanza e Lucianos Costa.

Guerra de Boatos

Em política, a boataria faz parte do jogo - e em cidades do interior, boatos possuem uma velocidade espantosa de propagação e credulidade: os últimos que andaram espalhando pela região é que Alfredo Zamlutti Jr., Presidente da ACIC em Corumbá, Presidente da FAEMS no Estado e Presidente do PSDB em Corumbá teria entregue a Presidência do partido naquela localidade e estaria pedindo votos pessoalmente para Paulo Duarte - situação desmentida pelo Secretário do partido em Corumbá, Paulo André:

“Alfredo é o atual Presidente do partido e pelo que sabemos, ele continuará sendo. Dia 18 teremos o Encontro do PSDB aqui em Corumbá e Ruiter irá se filiar”.

Alfredo Zamlutti Jr. é uma importante liderança empresarial e política a nível estadual - e peça importante para garantir a candidatura de Ruiter Cunha à Prefeito, pelo PSDB. Sua saída poderia deixar uma incógnita o futuro de Ruiter, dentro do partido.

Segundo lideranças políticas locais, Paulo Duarte tem pressionado o Governo de todas as formas para garantir que Ruiter não seja seu adversário nas próximas eleições - porque segundo todas as pesquisas de intenção de voto apresentadas até o momento, Ruiter Cunha (PMB) ganha do atual prefeito em todas elas - e seria o principal temor de Paulo Duarte.

Sendo assim, essa seria a principal razão pela qual Paulo Duarte teria mudado de partido e ingressado no “Blocão” - uma vez que seu principal mentor e protetor, o Senador Delcídio do Amaral não dará mais as cartas naquela região.

O que é certo é que teremos uma eleição emocionante, onde cada voto será disputado com muito fervor para garantir, mudar ou perpetuar o poder nas principais cidades do nosso Estado.

Ver matéria completa

Faça seu comentário sobre "“Blocão” de partidos e mudança de planos do Governo podem influenciar destino de Corumbá"

Veja ainda

Agora no site

Top da Semana

Subir