Pantanal MS
24 de Julho / 2024

Alguns pontos de alagamentos em Corumbá-MS. | Créditos: MSDiário

  • Publicado em: 03 de Janeiro, 2024 | Fonte: Ana Santos

Nas últimas 24 horas, diversas cidades de Mato Grosso do Sul foram listadas entre as mais chuvosas do Brasil, com consequências significativas para a população. A terça-feira (2) foi marcada por um alto volume de chuva, resultando em alagamentos e destruição, especialmente em Corumbá, a 417 quilômetros de Campo Grande.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) apontou que Ponta Porã acumulou 82 milímetros de chuva, ocupando o 8º lugar no ranking nacional de precipitação nas últimas 24 horas. Logo em seguida, estão Corumbá, com 81,2 mm, e Juti, com 61,8 mm.

Em Corumbá, a região central foi severamente afetada, com relatos de alagamentos em residências. A Rua Dom Aquino ficou completamente encoberta pela enxurrada, e na Rua América, entre Ladário e Tenente Melquíades, carros foram quase arrastados pela força da água.

Vídeos compartilhados por moradores ilustram a magnitude dos danos na cidade. Diversas ruas na área central foram tomadas pela água, e alguns motoristas arriscaram a travessia em condições perigosas. Em outras regiões, carros estacionados foram arrastados pela súbita elevação da água, assustando moradores, conforme relatado pelo Diário Corumbaense.

Outro vídeo destaca o corredor do Pronto Socorro de Corumbá tomado pela água poucos minutos após o início do temporal. As autoridades locais estão mobilizadas para lidar com os impactos das chuvas intensas e prestar assistência à comunidade afetada. 

Comentários