Nossas redes

Clima & Tempo

Grande frente fria provoca chuva no Sudeste e no Centro-Oeste

A grande frente fria que avança sobre o Brasil provoca muita nebulosidade e chuva em várias áreas do Sudeste e do Centro-Oeste.

Publicado em

Queda na temperatura chega em MS somente na semana que vem. | Créditos: MSDiário/Ilustrativo

Uma grande frente fria que se organizou sobre o centro-sul do Brasil avança sobre o Sudeste e o Centro-Oeste e a chuva poderá chegar a Brasília e na divisa de Mato Grosso com o Tocantins nesta quarta-feira. As condições para a chuva aumentam também no sul do Espírito Santo e no noroeste de Minas Gerais. Esta frente fria também estimula o aumento da chuva sobre o Acre, Rondônia e Amazonas.

Os ventos provocados pelo ciclone extratropical que se formou com esta frente fria injetam muita umidade sobre o leste da Região Sul estimulando a ocorrência de chuva prolongada e volumosa. Há risco de deslizamento de terra e alagamentos por causa do grande acúmulo de chuva até o fim da semana.
 

O ar seco predomina sobre o Nordeste e poucas nuvens se formam sobre esta Região.

Previsão do tempo para  10/08/2022 - quarta-feira

Atenção: o ar frio de origem polar se espalha sobre o Brasil a partir desta quarta-feira e provoca acentuada queda da temperatura nas próximas 48 horas sobre o Sul, em grande parte do Sudeste e do Centro-Oeste, em Rondônia, no Acre e no Sul do Amazonas

Frio de chuva no Sul do Brasil nesta quarta-feira. Pode gear na região de Uruguaiana, no sudoeste do Rio Grande do Sul. O centro-sul gaúcho e o norte do Paraná têm um dia frio, com sol entre muitas nuvens.  Muita chuva e risco de deslizamentos e alagamentos no sul e leste de Santa Catarina, no leste do Paraná, na serra e no litoral norte gaúcho. As outras áreas da Região Sul ainda ficam em atenção para pancadas de chuva, mas o sol pode aparecer.

A grande frente fria que avança sobre o Brasil provoca muita nebulosidade e chuva em várias áreas do Sudeste e do Centro-Oeste. O sol e calor ainda predominam no nordeste de Goiás (divisa com a Bahia), no noroeste e nordeste de Minas Gerais e no centro-norte do Espírito Santo.

Dia frio e com sol no centro-oeste de Mato Grosso do Sul. No centro-oeste de São Paulo, no sul/sudoeste de Goiás, no sul, no centro, oeste, sul e sudeste de Mato Grosso, o sol já reaparece nesta quarta-feira e nebulosidade vai diminuindo no decorrer do dia. A temperatura entra em declínio com a chegada do ar polar e o dia vai esfriando. 

Tem condições para chuva nesta quarta-feira em Goiânia, Brasília, Belo Horizonte, Rio De Janeiro e São Paulo. 

Quase toda a Região Norte tem períodos de sol e pancadas de chuva. O Tocantins, o centro, leste e norte do Pará têm sol forte.
A chegada do ar polar ao Acre, Rondônia e ao sul do Amazonas provoca a friagem.

No Nordeste do Brasil, o sol predomina e o tempo fica seco em quase toda a Região. Pancadas de chuva ocorrem no litoral e na zona da mata  entre o Rio Grande do Norte e Sergipe. 

Alertas meteorológicos para  10/08/2022 - quarta-feira

Atenção para o risco de chuva forte nas capitais Florianópolis, Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro

Alerta especial: perigo de temporal e chuva volumosa, com maior potencial transtornos para a população no leste e sul de Santa Catarina e leste do Paraná, com rajadas de vento de até 100km/h

Alerta para mar agitado do Rio Grande do Sul ao Rio de Janeiro, com risco de ressaca pela manhã entre Mostardas (RS) e Itajaí (SC)

Alerta para temporais na serra e litoral norte do Rio Grande do Sul, no centro, sul, leste e nordeste de Santa Catarina, centro-leste do Paraná, no sul, centro-leste de São Paulo e litoral sul do Rio de Janeiro. Rajadas de vento com até 80 km/h podem ocorrer nestas áreas.

Atenção para chuva moderada a forte, com raios e rajadas de vento que podem ser fortes no centro e oeste do Paraná e de Santa Catarina, Grande Porto Alegre e norte do Rio Grande do Sul, centro-norte de São Paulo, centro e sul do Rio de Janeiro, Sul de Minas Gerais, Zona da Mata Mineira, oeste do Acre, sudoeste do Amazonas. 

Alerta para o ar muito seco, com níveis de umidade do ar entre 12% e 20% no nordeste de Goiás, no Tocantins, no centro, oeste e norte da Bahia, extremo noroeste de Minas Gerais, centro-sul do Maranhão e do Piauí

Já deu seu like para esta matéria?

Ver matéria completa
Publicidade

As Top da Semana