Pantanal MS
20 de Maio / 2024

Autoridades contabilizam, neste momento, 5.102 casos da doença. | Créditos: Agência Brasil

  • Publicado em: 14 de Maio, 2024 | Fonte: Redação

Os números divulgados nesta terça-feira (14) pelo Ministério da Saúde revelam uma disseminação crescente dos casos de febre Oropouche pelo Brasil. Até o momento, o país registra 5.102 casos da doença, com 2.947 na Amazônia e 1.528 em Roraima.

Os demais casos estão distribuídos ou sob investigação em estados como Bahia, Acre, Espírito Santo, Pará, Rio de Janeiro, Piauí, Roraima, Santa Catarina, Amapá, Maranhão e Paraná. Esses dados, atualizados até 15 de março, evidenciam uma expansão geográfica preocupante da enfermidade.

"A disseminação para outras regiões do Brasil tem sido observada nas últimas semanas. Não estamos mais restritos à concentração inicial na Região Norte. Inicialmente, pensávamos que ficaria circunscrito, mas constatamos sua disseminação", alerta Ethel Maciel, secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde.

Maciel destaca os esforços para enfrentar a nova doença, incluindo a implementação de vigilância, orientações clínicas e distribuição de testes para diagnóstico em toda a rede de laboratórios centrais. Esse investimento tem permitido a identificação precisa e o monitoramento eficaz da febre Oropouche.

A análise dos casos revela que a maioria ocorre em indivíduos entre 20 e 29 anos, seguidos pelas faixas etárias de 30 a 39 anos, 40 a 49 anos e 10 a 19 anos. Essa distribuição por faixa etária aponta para a relevância de estratégias específicas de prevenção e controle da doença.

Comentários